Chapada dos Veadeiros - Um roteiro de 6 dias
Post por: Aline Alcântara on 02/10/2015
Categoria: Viagens
Tags: companhias aéreas, compras online, passeios
chapada dos veadeiros
 

Foto por: Daniela Kviatkovski

No começo de setembro eu e mais duas amigas viajamos para a Chapada dos Veadeiros. Estávamos com uma alta expectativa (o que muitas vezes não é bom, pois podemos nos decepcionar), e a grande surpresa é que todas elas foram atingidas, digo mais, elas foram ultrapassadas, o lugar realmente é mágico.

Compramos as passagens pela GOL, pois estava com um preço bem bacana no trecho de Campinas para Brasília. Ao chegarmos no Distrito Federal, ainda de manhã, fomos até a Rodoviária Nova e compramos a passagem das 20h00 pela viação Real Expresso para Alto Paraíso de Goiás que saiu por R$49. Decidimos que iriamos aproveitar a tarde em Brasilia para dar uma turistada.

A viagem de Brasilia até Alto Paraíso dura cerca de quatro horas de ônibus, chegamos bem tarde na cidade, a sorte é que conseguimos uma carona (pratica bem comum região) da rodoviária até o hostel que tínhamos reserva. Ficamos hospedadas no hostel Buddy's, é possível fazer reserva aqui através do Booking.com

Acordamos bem cedo e decidimos ir atrás de um passeio para fazer. Na grande maioria dos passeios é necessário o acompanhamento de um guia, e como as cachoeiras são longes, você também precisa de carro. Ou seja, no nosso caso, como não alugamos carro em Brasilia - o que recomendamos muito devido a nossa experiência - tínhamos que ir com o carro do guia, o que encarece bastante o rolê. Os passeios variam de R$100 a R$150 por pessoa e a maioria das cachoeiras, por estarem localizadas dentro de propriedades privadas são pagas, variam entre R$10 e R$30.

Nesse primeiro dia decidimos ir até a Cachoeira dos Cristais, pois soubemos que era possível chegar até lá de bicicleta. Alugamos as bikes, que custam entre R$40 e R$70 a diária - achamos o valor bem salgado - e fomos rumo ao nosso primeiro passeio. No meio do caminho um senhor de caminhonete nos ofereceu carona e aceitamos, o que facilitou bem o trajeto. Foi aí que percebemos que muitas pessoas dão e pedem carona, o que pode ser uma saída para baratear os custos da viagem.

Chapados dos Veadeiros

Resolvemos dividir nossa viagem entre Alto Paraíso e São Jorge. Depois de quatro dias na primeira parada, conseguimos carona com duas cariocas que conhecemos na Cachoeira de Santa Barbara e que estavam hospedadas na Vila. Pedimos carona e mais uma vez rolou, o que nos fez economizar R$80 de táxi de Alto Paraíso para São Jorge.

Quando chegamos na Vila ficamos muito felizes, e bateu um pouco de arrependimento de não termos ido pra lá antes. As ruas são de terra, o pessoal é bastante simpático e amistoso e a minha impressão é que em São Jorge é mais fácil fazer amizade para dividir carro para os passeios ou mesmo conhecer a galera local que te dá dicas valiosas. Além é claro de ficar muito próximo ao Parque Nacional.

Conseguimos o contato da querida Kayra, moradora de São Jorge que aluga os quartos da sua casa. Ficamos hospedadas lá por três dias e pagamos R$50 cada uma a diária. A energia de São Jorge é muito especial e aproveitamos muito os dias por lá, deu uma tristezazinha ter que ir embora.......

Vila de São Jorge - Chapada dos Veadeiros

Tivemos que voltar para Alto Paraíso, pois o ônibus para Brasilia saia de lá. Compramos a passagem antecipadamente e conseguimos mais uma vez uma carona com um morador de São Jorge para Alto Paraíso. O maior perrengue da viagem aconteceu aí, o ônibus não apareceu, esperemos por quase 1h30 e nada. Tivemos que pensar rápido e rachar um taxi com outras pessoas, caso contrário perderíamos o nosso voo para Campinas.

A companhia não quis devolver nosso dinheiro, e estou até agora tentando um ressarcimento, já que no próprio bilhete existe uma cláusula falando que em caso de atraso de 1h00 ou mais horas, o passageiro tem dinheiro a receber seu dinheiro de volta imediatamente. Isso não aconteceu e ao que parece estou sendo ignorada pela Real Expresso nas minhas tentativas via email e telefone.

Por essas e outras, alugar um carro em Brasilia pode ser muito vantajoso, além de economizar mais, fica mais fácil de se locomover pela região. A Localiza possui uma unidade dentro do Aeroporto de Brasília, o que facilita ainda mais.

Ficamos sete dias na Chapada dos Veadeiros, achamos um tempo bacana, menos que isso acho que não dá para conhecer quase nada. As cachoeiras são incríveis e o lugar é de uma beleza espetacular, espero poder voltar em breve, dessa vez na época da chuva :)

 

LUGARES QUE VISITAMOS A PARTIR DE ALTO PARAÍSO:

 

CACHOEIRA DOS CRISTAIS - DIA 1 

Essa cachoeira localizada dentro de uma área particular fica a 8km de Alto Paraíso (dos quais 5km são de asfalto e 3km estrada de terra) sentido a cidade de Cavalcante. No local você tem acesso a sete quedas d’água: Poço da Vovó, Massagem, Paraíso, Recanto da Paz, Corredeiras, Segredo e Véu da Noiva. A entrada custa R$10. Fizemos esse passeio de bike, foi cansativo, porém, divertido.

Cachoeira dos Cristais

 

CATARATAS DOS COUROS - DIA 2

A catarata fica localizada a cerca de 50km de Alto Paraíso sentido São Jorge, parte de asfalto e parte de uma estrada de terra não muito fácil. Possui uma queda de 100 metros de altura e é uma das atrações mais incríveis da Chapada. Como pegamos a época da seca conseguimos nos banhar nas diversas piscinas que ela forma. Já na época da chuva não tem banho, por ser perigoso, porém, o volume da água é enorme, dizem que também é imperdível. É recomendável ir com guia, pagamos R$80 no passeio, saiu mais em conta pois fomos com um grupo grande.

Catarata dos Couros - Chapada dos Veadeiros

 

Catarata dos couros - Chapada dos VeadeirosFoto por: Daniela Kviatkovski

 

ALMÉCEGAS I e II e SÃO BENTO - DIA 3

Localizada na estrada entre Alto Paraíso e São Jorge, a fazenda São Bento, é de fácil acesso. Para visitar as três cachoeiras custa R$35. Para chegar até a Almécegas I é preciso andar de carro por uma estrada de terra dentro da propriedade. O mesmo acontece com a Almécegas II. Já a cachoeira São Bento é bem perto da entrada, dá uns 5 minutos de caminhada. Não é necessário guia no local. Nesse passeio conseguimos uma carona com uma família que estava hospedada no mesmo hostel que a gente.

Cachoeira Almécegas

Cachoeira de São Bento Foto por: Daniela Kviatkovski

 

VALE DA LUA - DIA 3

Um pouco mais para frente da Fazenda São Bento está o Vale da Lua. Fica á 11 km de São Jorge, sendo assim você pode ir pra lá quando estiver hospedado na Vila. A entrada custa R$20, porém como já era 16h00 xavecamos e conseguimos pagar R$10. As formações rochosas esculpidas pelas águas do Rio São Miguel, remetem às crateras lunares. Em meio as rochas surgem piscinas, buracos e grutas. A trilha para chegar até vale é de 1km de extensão.

Vale da Lua - Chapada dos Veadeiros

Vale da Lua - Chapada dos VeadeirosFoto por: Daniela Kviatkovski

 

Vale da Lua - Chapada dos VeadeirosFoto por: Daniela Kviatkovski

 

CACHOEIRA SANTA BÁRBARA E CAPIVARA - DIA 4

Uma das cachoeiras mais conhecidas da região por causa da suas águas de cor turquesa, está localizada dentro da Comunidade Kalunga, a 28km (de estrada de terra) da cidade de Cavalcante. Na mesma comunidade também está a Cachoeira Capivara, que também é maravilhosa. Nós conseguimos chegar de carro bem próximo até as cachoeiras - tivemos que andar apenas 1 km. Vale lembrar que demos sorte, em outros casos só é possível chegar de 4x4 ou então é preciso andar cerca de 5km. A entrada custa R$25 e pagamos R$150 pelo passeio saindo de Alto Paraíso. É necessário fazer o percurso com guia, você pode contratar um na entrada do local.

Cachoeira Barbarinha - Chapada dos VeadeirosFoto por: Daniela Kviatkovski

Cachoeira Santa Barbara

 

LUGARES QUE VISITAMOS A PARTIR DA VILA DE SÃO JORGE:

 

PARQUE NACIONAL - Trilha dos Cânions e Cachoeira das Cariocas - DIA 5

O Parque fica a 800 metros da Vila de São Jorge. A entrada é gratuita e não é obrigatório fazer as trilhas acompanhado com guia, já que o parque é todo sinalizado com setas. É preciso somente assistir um vídeo institucional com recomendações de segurança. Fizemos a trilha dos Cânions e da Cachoeira das Cariocas, o percurso é de 10km ida e volta em uma trilha fácil e exuberante.

Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros

Cânions - Chapada dos Veadeiros

 

ENCONTRO DAS ÁGUAS - DIA 6

O encontro dos rios São Miguel e Tocantinzinho fica a uma distância de aproximadamente 20km a partir da Vila de São Jorge. O acesso se dá na estrada principal em direção a Colinas do Sul. O caminho possui muita lama e buracos, o ideal é ir de 4x4. Conseguimos uma carona com um amigo que fizemos em São Jorge e pagamos apenas a entrada de R$10. O lugar é espetacular e vale muito a visita, possui uma prainha onde é possível nadar.

Encontro das águas - Chapada dos VeadeirosFoto por: Daniela Kviatkovski

 

MELHOR ÉPOCA PARA IR PARA A CHAPADA

As estações da Chapada são bem definidas: a seca que vai de abril a setembro e a época de chuva entre outubro e maio. Todas as pessoas que conversamos disseram que vale a pena visitar a Chapada nas duas estações, pois a paisagem muda bastante de um período para o outro, e cada uma tem sua beleza. Por isso a visita é recomendada em qualquer época do ano.

CURIOSIDADES

Maio é a época mais florida do ano.

A Chapada está situada em uma imensa placa de cristal de quartzo formada a quase 2 bilhões de anos.

Está localizada no mesmo paralelo que Macchu Picchu (fatores que reforçam a crença de uma vibração energética especial).

 



FIQUE POR DENTRO
Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do blog! (sem spam, palavra de escoteiro)

Lojas mencionadas nesse post

Nenhum resultado encontrado.

Relacionados


Cashola Facebook

Popular

filmes para ver em casa
Os melhores filmes para assistir online pelo Youtube
comprar roupas online
Comprar roupas online: tirar medidas, tipos de corpo, e dicas para comprar sem erro
patins para iniciantes
Os melhores patins para iniciantes e iniciados